Confira as 5 principais criptomoedas de IA e DePIN que cairam mais de 30% e frustaram os investidores

Por Luciano Rodrigues
Foto: Dall-e 3

O mercado de criptomoedas continua a surpreender investidores, especialmente no setor de Inteligência Artificial (IA) e Redes de Infraestrutura Física Descentralizada (DePIN). Nesta semana, cinco dos principais ativos dessas categorias enfrentaram quedas significativas, frustrando expectativas e gerando preocupações entre os investidores.

A gigante dos chips, NVIDIA, emergiu como um influente agente no mercado de criptomoedas relacionadas à IA e DePIN. Relatórios de resultados anteriores da empresa tecnológica indicam um impacto significativo nas moedas desse setor. Tokens de IA e DePIN, classificados entre os cinco principais ativos por capitalização de mercado, foram fortemente influenciados pelas notícias e atualizações desta semana.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Anúncios da OpenAI, parcerias relacionadas à IA da Microsoft e Google, e acordos dentro do ecossistema catalisaram ganhos para esses tokens, impulsionando a narrativa de IA e DePIN. No entanto, a recente correção no mercado trouxe uma queda acentuada para cinco dessas criptomoedas.

As criptomoedas que mais caíram

1. Internet Computer (ICP)
Internet Computer, uma das principais criptomoedas de infraestrutura descentralizada, viu seu preço despencar mais de 30% nesta semana. A correção no mercado foi atribuída à realização de lucros por parte dos investidores, após um período de alta significativa.

2. Fetch.ai (FET):
Fetch.ai, conhecida por suas aplicações de IA em automação de processos, também sofreu uma queda expressiva. A expectativa de resultados da NVIDIA gerou uma volatilidade que acabou pressionando o preço do FET.

💥 10 Criptomoedas Promissoras para ficar de olho !
Dê o Próximo Passo e Invista Agora

3. Render (RNDR):
Render, que conecta usuários a proprietários de unidades de processamento gráfico (GPU) para criação digital, viu seu valor cair drasticamente. Apesar de ser um dos projetos pioneiros no setor, a correção recente não poupou a criptomoeda.

4. The Graph (GRT):
The Graph, um protocolo de indexação para dados de blockchain, foi outra vítima da correção de mercado. A criptomoeda, amplamente utilizada em aplicativos de DeFi e IA, perdeu valor significativo, preocupando seus investidores.

5. Bittensor (TAO):
Bittensor, que recompensa modelos de aprendizado de máquina com tokens TAO e contribui para a transparência no setor de IA, também enfrentou uma queda substancial. A correção foi vista como uma oportunidade para ajustes no mercado.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Apesar da recente correção, analistas permanecem otimistas sobre o potencial a longo prazo das criptomoedas de IA e DePIN. As atualizações no setor de IA, especialmente com a aproximação dos resultados de ganhos da NVIDIA, podem catalisar uma nova alta para esses ativos. A história mostra que anúncios positivos no setor de tecnologia frequentemente impulsionam o mercado de criptomoedas, oferecendo oportunidades para os investidores recuperarem suas perdas.

Compartilhe este artigo
Siga:
Jornalista, assessor de comunicação e escritor. Escreve também sobre cinema, séries, quadrinhos, já publicou dois livros independentes e tem buscado aprender mais sobre criptomoedas, o suficiente para poder compartilhar o conhecimento.
Sair da versão mobile