Exploit de US$ 23 milhões na Gala Games expõe falhas em controles internos

Por Carlos Schuabb
Foto: Dall-e 3

O CEO da Gala Games, Eric Schiermeyer, confirmou um incidente de segurança que resultou na venda não autorizada de 600 milhões de tokens GALA, equivalente a US$ 23 milhões. O evento ocorreu em 20 de maio e foi seguido pela queima efetiva de 4,4 bilhões de tokens GALA.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Schiermeyer admitiu falhas nos controles internos da empresa e assegurou que medidas estão sendo tomadas para evitar que isso aconteça novamente. Após a notícia do exploit, o preço do token GALA caiu 20%, atingindo um mínimo de US$ 0,038 antes de se recuperar levemente para US$ 0,041.

Identificação do comprometimento e ação imediata

A Gala Games identificou a origem do comprometimento e removeu o acesso não autorizado ao contrato GALA. Schiermeyer afirmou que o contrato na Ethereum nunca foi comprometido e continua seguro.

🎟️ BitSampa 2024: 50% dos ingressos do primeiro lote já vendidos!
Compre seu Ingresso Agora

Em uma postagem no X de 20 de maio, Schiermeyer escreveu: ‘Tivemos um incidente que resultou na VENDA não autorizada de 600 milhões (US$ 21 milhões) de tokens GALA e na QUEIMA efetiva de 4,4 bilhões de tokens’. ‘Nós bagunçamos nossos controles internos’, acrescentou.

A empresa está colaborando com o FBI, o Departamento de Justiça dos EUA e autoridades internacionais para investigar o incidente. A carteira afetada foi congelada para conter o problema e evitar maiores danos.

Repercussões e medidas futuras

O incidente destaca a necessidade de controles internos rigorosos em plataformas de criptomoedas para proteger contra acessos não autorizados e atividades fraudulentas. Em postagem no X , a Gala Games acrescentou que ‘o incidente de segurança envolvendo o token GALA foi contido e a carteira afetada foi congelada’.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

A comunidade cripto aguarda por mais detalhes sobre como a pessoa responsável conseguiu acesso ao contrato GALA e quais serão as ações legais tomadas contra ela.

Compartilhe este artigo
Siga:
Carlos Schuabb, conhecido como Papa no mercado, é redator do Bitnoticias desde julho de 2023, mas ele não começou assim: Iniciando no mercado cripto em 2018, no evento Bitconf, com o tempo se estabeleceu como um entusiasta dedicado, especialmente no que diz respeito ao universo cripto. Ele tem sido uma figura confirmada na organização de todas as edições do BITSAMPA, um evento de prestígio no cenário cripto em São Paulo.
Sair da versão mobile